Funcionalidades do 5G são demonstradas em Natal (RN)

Funcionalidades do 5G são demonstradas em Natal (RN)

Algumas funcionalidades do 5G, nova geração de internet que está chegando ao Brasil, foram demonstradas na última quinta-feira (16), em Natal (RN). O evento, promovido pelo Ministério das Comunicações, em parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), destacou projetos que poderão ser aplicados na capital potiguar, uma das primeiras a receber a nova tecnologia, entre eles luminárias inteligentes para iluminação pública.

A ABDI será responsável pela instalação, em caráter experimental, de luminárias munidas com antenas 5G e câmeras de vídeo nas cidades de Ceará Mirim (RN), Petrolina (PE), Araguaína (TO), Jaraguá do Sul (SC) e Curitiba (PR).

“A chegada do 5G possibilitará a criação de modelos de negócios inovadores, gerando empregos e contribuindo para o desenvolvimento do país”, comemorou o ministro das Comunicações, Fábio Faria. Além de ressaltar os benefícios do novo padrão de conectividade, com ganhos para a medicina, comércio, educação, turismo, entre outros, o ministro também lembrou que a chegada das novas operadoras estimula o livre mercado e isso vai refletir em preços mais baratos.

Fábio Faria espera que todas as escolas do Brasil possam ter, em breve, conexão com a internet, e destacou que o Brasil está pronto para uma revolução, mesmo porque a nova tecnologia vai oportunizar uma preparação adequada dos jovens.

“Antigamente a gente tinha de fazer um curso de datilografia para ter emprego. Antigamente era medicina, engenharia, direito. Hoje, não. É robótica, ciência da computação. Aí se a gente tem esse mundo novo chegando e não tem o 5G aqui, como é que nossas crianças vão se preparar? Não tem chance. Então, a gente vai ter a oportunidade de preparar nossas crianças, nossos jovens, para esse futuro novo que está chegando”, disse o ministro.

Mais rápida

A Brisanet, empresa que arrematou os lotes referentes às regiões Nordeste e Centro-Oeste no leilão do 5G, também realizou, durante o evento em Natal, demonstração com a tecnologia para exibir as diferenças entre o sinal de altíssima velocidade e baixa latência da quinta geração em relação à geração anterior. Já as startups de tecnologia mostraram o uso do 5G na prática, em casos como o Robo Educ, ferramenta de ensino para crianças; a impressão 3D para escolas; um robô de acompanhamento para idosos; e um sistema de tradução automática para libras.

Entrave das antenas

O maior leilão de radiofrequências da América Latina ocorreu no início de novembro e arrecadou R$ 47,2 bilhões, dos quais mais de 85% serão revertidos em investimentos, devido ao perfil não arrecadatório do certame. Dessa forma, foi viabilizada a expansão da conectividade no país, com internet de alta velocidade para localidades com pouca ou nenhuma conexão, e a cobertura de 36 mil km de rodovias federais e em escolas públicas. 

Também estão previstas como contrapartidas a serem cumpridas pelas operadoras a implantação da infraestrutura de fibra óptica na região Amazônica e a estruturação da rede privativa de comunicação da Administração Pública Federal.

A chegada da tecnologia, no entanto, tem uma barreira a ser vencida: a burocracia referente à instalação de antenas nos municípios. A solução ainda aguarda análise na Câmara dos Deputados: o PL 8518/2007, que altera a Lei Geral das Antenas e dá maior agilidade ao processo, que atualmente pode demorar mais de um ano e atrapalha a chegada da internet de quinta geração às cidades.

Revolução econômica

A implementação do 5G no país irá gerar impactos em diversos setores da economia, como a indústria, o agronegócio e a saúde. A nova tecnologia vai transformar a rotina dos negócios, a partir da conexão simultânea com mais computadores até o compartilhamento de dados em tempo real. Estas inovações permitem integrar e otimizar a cadeia produtiva ao operar grandes equipamentos de maneira remota. 

Serviços de streaming, videochamadas e transmissões de eventos esportivos, educacionais ou culturais passarão a contar com resolução melhor de imagem e áudio, sem interrupções ou perda de qualidade. Objetos do dia a dia, como eletrodomésticos, roupas e até a própria residência, poderão ser conectados à rede mundial de computadores e acionados remotamente.

A tecnologia do 5G estará disponível em todas as capitais brasileiras até julho de 2022. Em municípios com mais de 500 mil habitantes, o prazo limite para implantar o 5G é julho de 2025. A previsão é que 60% dos municípios com menos de 30 mil habitantes estejam atendidos até dezembro de 2027, meta que sobe para 90% até dezembro de 2028 e 100% até dezembro de 2029.

]]> Brasil 61